A língua portuguesa é muito rica e possui diversas ferramentas para expressar ideias e construir sentenças, sendo uma delas o advérbio.

O advérbio entra na sentença com o intuito de dar sentido à frase, deixando claro as circunstâncias em que as cosias ocorrem.

 Os advérbios são divididos em modo, intensidade, lugar, tempo, negação, afirmação e dúvida.

Veja alguns exemplos de como usar os advérbios:

 

Advérbios de modo

Os advérbios de modo expressam como alguma atividade ocorre, ou sua qualidade:

1)      Eu sou pior do que ele.

2)      Faça isso devagar.

3)      Ele se dirigiu ao destino calmamente.

4)      É melhor que seja assim.

 

Advérbios de intensidade

Os advérbios de intensidade expressam a quantidade de algo, às vezes de forma abstrata:

1)      Quanto mais, melhor.

2)      O caminhão era imenso.

3)      Estava bastante frio.

4)      Chovei pouco ontem.

Advérbios de lugar

Os advérbios de lugar expressam a localidade dos eventos:

1)      está ele.

2)      Fica logo adiante.

3)      Precisamos ir lá fora.

4)      Aonde vamos hoje?

 

Advérbios de tempo

Os advérbios de tempo apontam o momento de realização dos eventos:

1)      Hoje será um dia ótimo.

2)      Precisamos resolver isso agora.

3)      Ontem fomos à igreja.

4)      Antigamente tudo era diferente.

 

Advérbios de negação

Os advérbios de negação são utilizados para indicar repressão/desaprovação de algo:

1)      Não desperdice água.

2)      Jamais olhe para trás.

3)      Nunca confie em pessoas estranhas.

4)      Não coma muito, tampouco coma pouco.

 

Advérbios de afirmação

Os advérbios de afirmação são utilizados quando se tem certeza de algo, e quer se expressar sobre isso:

1)      Vá agora, decerto estará lá.

2)      Sim, farei isso hoje.

3)      Isto é deveras prazeroso.

4)      Ele é realmente muito bom.

 

Advérbios de dúvida

Os advérbios de dúvida são utilizados quando a existência de algo não está claro, ou depende de probabilidades:

1)      Será que consigo fazer?

2)      Por acaso somos mais inteligentes?

3)      Provavelmente há pão na tigela

4)      Talvez não devêssemos infringir as leis.

Veja em nosso site explicações detalhadas sobre advérbios.

Referências:

https://www.gestaoeducacional.com.br/adverbio-exemplos-tipos/